12 de março de 2012

da tribo ao tricô


Imagina enfrentar os rituais de uma tribo africana em benefício do design?

O estilista sul africano Laduma Ngxokolo não economizou disposição na pesquisa de campo. Formado pela Nelson Mandela Metropolitan University em Port Elizabeth, na África do Sul, ele resolveu encarar o ritual de iniciação dos jovens da tribo Xhosa. A etnia é uma das principais do país, o próprio Mandela é um descendente. O processo de passagem para a vida adulta envolve circuncisão e a doação das vestimentas de menino, e a aquisição de trajes de homem.

meninos da etnia Xhosa

















A escolha da tribo não foi por acaso, especializado em tricô, o designer viu na tradição da confecção de adornos com miçangas da tribo uma solução para estampar as malhas e cardigans que desenvolve.







Outra opção interessante de Laduma foi usar o nobre mohair. A lã é extraída do pelo de um tipo de cabra mais peludinha. A África do Sul é um dos principais produtores dessa matéria prima, contudo, pela ausência de indústrias especializadas na fiação, e pelo mercado interno fraco, a maior parte da produção é exportada.


Laduma Ngxokolo no centro




Por essa coleção o criador recebeu o prêmio SDC International Design Competition 2010, concedido pela Society of Dyers and Colourists da Inglaterra.

Aqui um videozinho em inglês com o estilista apresentando sua coleção.


Dica de post angariada no seminário do WGSN.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.