18 de outubro de 2011

entre estampas, flores e pássaros

Continuando o post da Anunciação...

Pássaros, flores e cores são características dos desenhos da ilustradora Catalina Estrada, 36. Tais elementos são parte importante de suas memórias da infância em Medellín, na Colômbia onde nasceu e cresceu. Desde 1999 vive em Barcelona. Da capital da Catalunha desenvolve projetos para empresas do mundo todo.


catalina estrada©
Catalina Estrada

A grife goiana Anunciação é seu "freela fixo", bem como o projeto gráfico para agendas do escritor Paulo Coelho. Na moda, já criou estampas para o inglês Paul Smith, Camper, Zara, e tem uma linha de acessórios com seu nome. Gastei meu portuñol advanced para entrevistá-la:

Quando você era pequena já gostava de desenhar?
Sim. Sempre. A aula de educação artística era minha matéria favorita.

Quando descobriu que isso poderia ser sua profissão?
Sempre achei que estudaria artes. Não pensei em outra opção.

Hoje em dia você ainda desenha à mão?
Para os projetos comerciais sempre uso o computador. Trabalho com o Illustrator. Para as obras pessoais desenho sempre com tinta acrílica e aquarela.

catalina estrada©
Agenda Paulo Coelho

Como é a sua rotina?
Trabalho em casa. Sempre trabalhei em casa. Me levanto bem cedinho e já vou para o computador. Uso as manhãs para responder e-mails, e organizar os projetos que farei ao longo do dia. E pouco a pouco vou começando a trabalhar em cada um. Às 2h da tarde me encontro com Pancho, meu marido, e vamos almoçar juntos em algum lugar. Ele volta para seu estúdio, e eu para casa. Ele chega em casa sempre umas 7h. Trabalho até umas 8h30. Depois nós dois jantamos, em casa, ou fora, vamos ao cinema, ou encontramos os amigos.



catalina estrada©
Parceria com a Camper

Como divide seu tempo entre trabalhos pessoais e comerciais?
Acho que uso 70% do meu tempo para trabalhos comerciais, e 30% para trabalhos pessoais.

Quais foram seus trabalhos mais recentes?
Foram as ilustrações para a Anunciação, um projeto lindo para a prefeitura de Barcelona, e agora estou me dedicando aos produtos da minha marca, como malas, bolsas e roupa de cama.


catalina estrada©
Estampas para Paul Smith

Você é colaboradora constante da anunciação. Há alguma especificidade para criar desenhos que serão impressos em roupas?
As especificações são mais em termos de cores e elementos gráficos de composição. Isso em geral, mas tudo depende das necessidades que o cliente tem para sua coleção.



catalina estrada©
guarda-chuvas da linha Catalina Estrada

Cores, e personagens da natureza como pássaros e flores são constantes em seu trabalho. Por quê?
Durante a minha infância na Colômbia tive muito contato com a natureza. Creio que isso sempre caracterizou o meu trabalho. A natureza, as cores, boas energias, a luz e otimismo é o que me inspira.


***
Ao ver o trabalho de Catalina, me lembrei do exemplo da finlandesa Marimekko, que é uma grife de estampas. Seu trabalho não tem como primeiro suporte telas de pintura, ou o design em si, já começa aplicado em produtos de diferentes usos. Aqui no Brasil é comum estilistas recrutarem artistas visuais para decorar suas roupas, ou eles mesmos fazerem as vezes de ilustradores, principalmente quando se trata de licenciamento de produtos.

Como o preço por uma estampa digital, exclusiva, é alto, não são muitas as marcas que se propõe desenvolvem. Me lembro, assim, de bate-pronto de duas marcas (além da Anunciação) que têm um trabalho interessante no quesito estampas: a carioca Farm, e a paulistana Antix. No blog da FARM tem um post antiguinho explicando como uma estampa com jeito de "Onde está Wally?" (cheia de elementos), foi feita. Palpito que estamparia é um mercado com muito futuro no Brasil.

***

Um comentário:

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.