31 de agosto de 2009

Balmain - antes de Christo...phe

O mundo da moda é cíclico, e por isso vez ou outra ressurgem nomes do passado que andavam esquecidos. E a estrela do momento é a Balmain.

Hoje estamos todos amando o jeans skinny desbotado e rasgado, e as jaquetas, que a morte do Michael Jackson impulsionou horrores. E o vestido verde que a Jennifer Conelly usou? Saiu em todas as revistas de moda. Cobiço muito.







Todo misterioso. O próprio site da Balmain não conta a história da grife - http://www.balmain.com/. A fonte do logo é a original, mas sem o primeiro nome de seu fundador. Andei pesquisando sobre a maison Balmain e vou postar algumas coisinhas aqui.




Balmain A.C.

A Balmain foi fundada em 1945 por Pierre Balmain. Seu criador acumulou experiência trabalhando na Maison de Edward Molyneux e na de Lucien Lelong. Nessa última ele foi colega de Christian Dior. Segundo Charlotte Seeling no livro “Moda, Século dos Estilistas”, Dior e Balmain quase abriram uma empresa em sociedade.



Seu lema era: “a elegância surge da simplicidade”. Suas formas eram arquiteturais. O estilo de Pierre Balmain era muito elegante. Ele gostava de tons suaves, acabamento com peles, bordados. Uma feminilidade clássica, que valorizava o corpo da mulher

a atriz Carroll Baker com um vestido Balmain

La mariée est trop belle - Brigitte Bardot usando um vestido Balmain


Balmain tinha sobretudo um ótimo tino para escolher seus assistentes. Primeiro foi John Cavanagh. Ele trabalhou por lá até 1952, quando fundou sua própria Maison. Em 1954 ele emprega Karl Lagerfeld, jovenzinho que ganhara o prêmio do Secretariado da Lã (Yves Saint Laurent ficou em segundo). O Kaiser da Chanel ficou por lá até 1958 quando foi para o ateliê de Jean Patou.



coleção Pierre Balmain do Museu Victoria and Albert em Londres

essa foto sem foco é de autoria do modapraler

Após a morte de Pierre Balmain, em 1982, a grife sobreviveu. A partir de 1982 com Eric Morteson, em 1990 assumiu Hervé Pierre, em 1992 foi Oscar de La Renta o eleito. Em 2001 Laurent Mercier passa a assinar o pret-a-porter. Dois anos depois De la Renta sai e Mercier também assina a alta-costura. A Balmain não andava bem das pernas. Quase faliu.


Balmain D.C

Um grupo de investidores ressucitou a marca em 2005, convocando o jovem francês Christophe Decarnin. O atual diretor critiavo trabalhou com Paco Rabanne e deu vida nova a casa. Sua coleção mais comentada foi a de verão 2009. Ela reúne todos os itens citados acima.

Esse é o Christophe Decarnin


E a Madonna também aderiu a Balmain-mania. Ela usa um vestido da marca no novo clipe Celebration.


12 comentários:

  1. Amo o ombro pagode da Balmain!! Vida longa a maison!!

    ResponderExcluir
  2. OMG eu quase fiz um post assim há 2 semanas atrás, mas desisti. Mas tu arrasou, bem melhor do que eu faria hahaha beijos

    ResponderExcluir
  3. A Jennifer Conelly é linda,mas está meio anoréxica.Adorei os looks.

    ResponderExcluir
  4. Adorei a conhecer a história da marca. Também achava que tinha uma aura de mistério em torno da Balmain. Mistério resolvido! ;)

    Beijos,
    Mara
    http://verypinksmile.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Adorei conhecer um pouco mais sobre ä história da grife!

    bjs

    ResponderExcluir
  6. Caramba, amei a postagem!!!Amei vc falar da Balmain com tanta propriedade, isso vale muito!!!Bem, adoro seu blog e sigo faz um tempinho...quando puder conheça o meu, passa lá, fará uma blogueira feliz!!Mli bjos, sucesso!!

    ResponderExcluir
  7. muito bom….adorei!!!!
    confiram a coleção feminina de roupas, jóias em prata e acessórios em couro.
    bjo

    ResponderExcluir
  8. Olá,

    Adorei as boas fotos!
    Encontrei este site onde também se pode ter roupa da moda E DE MARCA!!!! com desconto.
    Muito fixolas espreitem:
    http://www.modadescontos.com/

    Eu já fiz uma encomenda de umas calças e correu tudo bem, ainda dão garantia e tudo.

    ResponderExcluir
  9. Oioi!

    Tudo bem?

    Lancei uma promoção no blog! Rola uma ajuda na divulgação?

    Esta é a última semana e estamos presenteando o pessoal com um fofo vestido da ALPHORRIA CULT!

    Se puder divulgar aqui, vai ser ótimo!

    Thanks!

    Beijos

    http://fashionistando.blogspot.com/2009/08/concurso-cultural-pretinho-basico.html

    ResponderExcluir
  10. Nossa, aqueles vestidos dos anos 50/60 eram tudo....o rosa de flores e o lilás eu usava fácil!
    Já esses ombros estruturadérrimos,não há mulher que fique bonita com isso....
    Bjs

    ResponderExcluir
  11. Adoro Balmain,é tudo de bom. É interessante conhecer a história da marca. Bjos.

    ResponderExcluir

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.